Quando o discernimento favorece a Saúde e conduz à ação correta

A pandemia do coronavírus causou um forte impacto, além da área da Saúde, sendo abrangente na educação, política, economia e vida em sociedade, em vários países do mundo.


No Brasil, com o término progressivo da quarentena e a retomada do convívio social, surgem ainda muitas inquietações, gerando angústia, ansiedade, raiva e medo nas pessoas.


Mas por que isto ocorre? Sabemos que há medicação de custo acessível, segura e definida em protocolo para tratamento precoce, em domicílio. Mas estamos atravessando tempos difíceis, em que as informações são distorcidas propositalmente, causando dúvidas, insegurança e sofrimento. Por ser médica psiquiatra, preocupo-me com as consequências destas ações sobre a vida das pessoas e sobre sua saúde mental.


Neste contexto, ao depararmos com as adversidades, torna-se muito relevante, o cultivo da Espiritualidade para o fortalecimento das capacidades de superação e confirmação dos nossos valores humanos.


Então, eu te convido para esta reflexão. Nesta semana, celebramos Pentecostes, quando o Espírito Santo desceu sobre os discípulos, cinquenta dias após a Páscoa e após a ascensão de Jesus Cristo aos céus. Ao receberem a graça do Espírito Santo na forma de labaredas de fogo sobre suas cabeças, os discípulos passaram a dialogar com outros povos em suas línguas, levando esperança e realizando prodígios para a salvação das almas.

Ao serem transformados pelo fogo divino, os discípulos receberam os dons do Espírito Santo, se tornando capacitados para agirem com entusiasmo e despertarem as pessoas para a mensagem do Cristo.


E qual é a importância disto para os nossos dias?

Para responder melhor esta pergunta, vou relembrar para você quais são os sete dons do Espírito Santo:

FORTALEZA

Com o dom da fortaleza, Deus nos dá a coragem necessária para enfrentarmos as circunstâncias desafiadoras da vida.

SABEDORIA

O dom da sabedoria nos leva a distinguir entre o que é essencial e o que não é; apreciar e escolher o bem em meio às muitas alternativas sedutoras que se colocam diante do nosso livre arbítrio.

ENTENDIMENTO

Este dom torna a nossa inteligência capaz de compreender e assimilar os conteúdos das verdades reveladas e, com lucidez e consciência, conhecermos melhor a criação e chegarmos assim ao Criador.

CIÊNCIA

É o dom divino que aperfeiçoa as nossas faculdades intelectivas e nos ajuda a compreender a realidade como obra do Criador, iluminados, simultânea e harmoniosamente, pela fé e pela razão – “as duas asas que elevam o espírito humano à contemplação da Verdade” - Papa São João Paulo II. É importante observar que se trata do dom da ciência de Deus, não da ciência das coisas do mundo; ele envolve o reconhecimento da criação como meio para a contemplação de Deus.


CONSELHO

É o dom que permite à alma o claro discernimento sobre como responder às circunstâncias da existência, tanto nas próprias decisões, quanto na orientação feita a outras pessoas para trilharem o caminho do bem.


PIEDADE

É o dom da devoção, da fé, da experiência de viver em comunhão permanente com Deus e em compaixão pelo próximo.


TEMOR DE DEUS

Trata-se do dom divino que nos leva a “temer” por Deus no sentido de não querer que Ele seja desprezado ou ofendido, nem pelos outros, nem por nós mesmos. Deus respeita a liberdade de escolha de cada um, mesmo que para odiá-Lo. Este é o sadio temor das consequências do afastamento de Deus – pela justa consciência de que, ao nos afastarmos d’Ele, nós próprios O perdemos voluntariamente.


Estes sete dons são valiosos presentes, são as graças divinas que precisam ser reavivadas como instrumentos para a existência humana.


Porém, há um alheamento generalizado quanto a este conhecimento profundo. Assim, quanto mais a pessoa se distancia da própria dimensão espiritual em seus hábitos cotidianos, em sua forma de pensar e agir, mais vai mergulhando na esfera material e se deixando cercear pelos seus poderosos ardis de corrupção da alma humana.


Portanto, é fácil observar que o materialismo predomina na sociedade atual, com o consumismo e o abuso da tecnologia, havendo o evidente afastamento das vivências religiosas. Muitos passam a confiar suas decisões a “influencers”, a tendências de massa, a veículos midiáticos.


Acredito que é fundamental despertar em nós estes dons tão preciosos, que trazem juntos a capacidade de discernimento entre a verdade e a mentira, entre o Bem e o mal, entre o efêmero e o eterno. Somente assim será possível decidir em livre-arbítrio a ação correta rumo à evolução individual. Somente assim será possível surgir o ser humano pleno para a nova Humanidade.


Dra. Ana Cristina C. L. Malheiros


Links recomendados:

- Pesquisa com mais de 6.000 médicos em 30 países diz que hidroxicloroquina é o tratamento mais eficaz para coronavírus:

https://conexaopolitica.com.br/ultimas/pesquisa-com-mais-de-6-000-medicos-em-30-paises-diz-que-hidroxicloroquina-e-o-tratamento-mais-eficaz-para-coronavirus/


- O pentecostes de São Filipe Néri - Padre Paulo Ricardo:

https://www.youtube.com/watch?v=vNgrOGt-DPw