Dia do Médico: ensinando superação, aprendendo saúde

Atualizado: Out 18

Realmente, o mês de outubro é bastante festivo, estando no centro da Primavera, no desabrochar da Natureza. E nesta atmosfera anímica, eu sigo o fluxo da vida para refletir sobre o ser médica.

Vocação para escutar, vocação para cuidar...vocação para despertar no outro o poder oculto do propósito!


Na minha carreira, estes três elementos foram sendo apresentados de forma bem progressiva e, hoje, se integram harmoniosamente, na minha prática médica. Ao longo do tempo, na tentativa de compreender melhor o ser humano que se apresentava diante de mim, fui ampliando o saber médico com a Psiquiatria e a Antroposofia.

Todos estes recursos se integram e eu os utilizo de acordo com a necessidade daquela pessoa, naquele momento biográfico.


Por falar em biografia, estou naquela etapa da vida em que todos ao redor se parecem mais jovens, e quero dizer de minha gratidão imensa de compartilhar as experiências profissionais com os colegas e me deixar permear pela contribuição que trazem. Sempre foi muito bom o trabalho em equipe interdisciplinar por ser guiado nesta direção.

Assim, a Medicina é, em princípio, um caminho profissional, mas ai daquele que não se deixar transformar. Fazendo uma analogia, o ser médica se assemelha a um cálice em que ocorre a alquimia que transmuta a queixa e o sofrimento, em possibilidade e esperança, pela ação intencional do Amor altruísta.

Perdão, carta-desfecho, superação: tudo o que eu falo, eu escuto.


A palavra se propaga e cria realidade.


Quanto mais eu cuido do outro e mais ensino, eu mais aprendo. Esta é a riqueza do encontro humano : a reciprocidade reverbera.

É muito gratificante testemunhar que a alma em movimento, com direção clara, com entusiasmo, gera a atitude transformadora. Este é o tema da minha vida, Medicina, saúde e desenvolvimento humano.


Como mensagem final, sugiro que pense na Medicina como um caminho para cuidar de si mesmo e para promover o equilíbrio e a saúde.

Hábitos saudáveis fazem uma vida saudável. Mas isto não se estabelece de imediato, é fruto de um processo, de decisão e ação.

A grande oportunidade de crescimento interior acontece quando se substitui o usufruir do prazer imediato, pela busca da saúde e da felicidade.

Faça suas escolhas e viva a Medicina!


Dra. Ana Cristina C. L. Malheiros

Links recomendados:


- Dr. Robert Lustig, pediatra, faz interessante a análise sobre Prazer e Felicidade, abordando a Cultura e Neurociências:

https://video.wixstatic.com/video/44666b_4b18b533aa5f42fa8e944ca8dde30af6/720p/mp4/file.mp4


- Dra. Ana Paula Cury, médica antroposófica e Joan Melé no Seminário Dinheiro e Consciência 2020: "Saúde Individual, Saúde Social." Como podemos contribuir para a construção de uma sociedade sadia?

https://www.facebook.com/BancaEticalat/videos/primer-seminario-dineroyconciencia2020-salud-individual-salud-social/259061205119435/



1 comentário