Aos mestres, com carinho! | Dia dos Professores

Assim era o título da redação (na época, o termo era “composição”) com que comemorávamos o Dia do Professor, quando eu era estudante. A escola em festa, alunos faziam apresentações artísticas, danças, versos, teatro, discurso da diretora e, para finalizar, um lanche especial.

A homenagem expressava nossa profunda gratidão, quase uma veneração, aos dedicados professores que diariamente perseveravam em nos ensinar.

Fazendo uma retrospectiva, constato que foram incontáveis os professores que fizeram parte da minha trajetória.

Muitos se superavam para nos responder em nossa curiosidade e todos tinham seu exemplo de vida para compartilhar conosco. Afinal, era indisfarçável a característica de cada um: a retidão do colérico, a compaixão do melancólico, a complacência do fleumático e a jovialidade do sanguíneo.

Hoje eu reconheço que, durante toda a minha vida como estudante, os professores que eu admirava eram os verdadeiros representantes da Humanidade, me mostrando as nuances do ser humano.

E hoje, passado tanto tempo, ainda me sinto estudante.

Guardo a máxima: “Ter a humildade de ser um eterno aprendiz”.

Tenho estudado incessantemente as questões relativas à pandemia, de forma abrangente, em toda sua dinâmica e as suas dimensões (saúde, política, economia, sociedade).

E, como gesto de gratidão pelo ensinamento que recebi de tantos professores, desejo-lhes dizer, como médica, o que aprendi.

O professor não é substituível pela tecnologia, porque não é mero transmissor de informação.


Jamais.


Sua presença plena diante da criança e do jovem contém a poderosa e cativante qualidade do encantamento e da coerência.

Quando se está diante de um professor que ama aquilo que faz, o aluno põe sua alma em movimentoe usa a chave do afeto para abrir a porta do pensamento.

Com base em tudo o que tenho estudado, na busca persistente pela Verdade, peço a você, amada professora, querido professor, não tema, confie, tenha a coragem de liderar o retorno do convívio da comunidade escolar, pautado em conhecimento.


Em todo o mundo, milhares de médicos, cientistas, pesquisadores, que já foram alunos de inúmeros professores, apresentam o fruto de seu trabalho, mostrando que há tratamento precoce para COVID-19 com evidência nível 1ª A. Assim como você já enfrentou várias viroses dentro e fora do ambiente escolar, mantenha os cuidados com sua higiene.


Volte a ocupar o seu lugar no mundo, ponha-se onde merece estar. Dialogue com os pais, colaboradores e com outros professores, para que seja transposto o ,confinamento e para que surja o renascimento.

Desejo que o medo e a insegurança sejam superados pelo forte desejo do reencontro, da retomada da vocação e do trabalho gratificante.

“Sim, tudo depende da pergunta; quanto mais profundamente perguntas, tanto mais veemente é a resposta - o gênio não fica a dever nenhuma. Mas temos receio de perguntar e, muito mais, de ouvir a resposta e de compreendê-la, pois isto nos custa esforço e dores. De outra forma, nada poderíamos aprender – de onde o tiraríamos? Quem pergunta a Deus, a este Ele responde com o Divino.” - Bettina Brentano

Dra. Ana Cristina C. L. Malheiros


Links recomendados:


- Simone Leyser, professora Waldorf:

https://youtu.be/65-7jqcA8Cw


- Este trabalho coloca a hidroxicloroquina com nível de evidência 1A e grau de recomendação A na profilaxia e tratamento de Covid-19:

Há tratamento precoce Covid-19
.pdf
Download PDF • 172KB

Protocolo revisado do Grupo Paraná vencendo Covid-19 | Outubro 2020:

Protocolo revisado do Grupo Paraná vence
.
Download • 1.29MB